Vais mudar de casa? Este post é para ti!

Mudar de casa é sempre um momento que mexe com todos nós! Por um lado está o entusiasmo em ir para um novo espaço, por outro está toda a ansiedade de empacotar, transportar e desempacotar tudo! Podemos olhar para o processo de mudança como uma aventura ou como um momento penoso e desafiador. Seja qual for, o mudar de casa traz sempre consigo uma grande oportunidade de destralhar e nos libertarmos do que já não nos serve e re-começarmos num novo espaço organizado, cheio de potencial e esperança.

Partindo da velha máxima oriental que a crise é um momento de oportunidade, também a mudança de casa pode ser o momento ideal para fazer uma pausa e olhar para aquilo que nos rodeia, questionarmo-nos se ainda faz sentido, se adiciona valor à nossa vida ou se simplesmente nos mantêm agarrados a um passado do qual nos podemos libertar.

Seja qual fôr o caminho e motivo que nos leva a mudar de casa, chega sempre o momento em que temos de arregaçar as mangas e pôr a mão na massa.

Se és minimalista, vives sozinha/o, não tens filhos, nem animais de estimação terás certamente um caminho um pouco mais fácil!!!

Quando mudamos, temos de pegar em tudo o que temos, encaixotar, transportar, retirar da caixa e colocar no seu novo espaço. Simples, sim? O único senão é que quando começamos a olhar para os nossos pertences, descobrimos que temos mais coisas do que aquelas que pensávamos. Ai temos duas possibilidades: empacotamos tudo nas caixas e siga, ou paramos para nos questionarmos se aquilo ainda nos faz falta, se ainda tem sentido na nossa vida e se o queremos levar para a nova casa.

Vamos simplesmente deslocalizar os nossos bens de uma casa para a outra, ou vamos usar a oportunidade de mudança de casa como uma ferramenta no nosso processo de auto conhecimento e desenvolvimento pessoal?

Cabe a cada um decidir se aproveitar ou não o mergulho nas águas agitadas e deliciosas da mudança!

Até hoje, já mudei de casa 12 vezes, algumas delas chegando a envolver transportes marítimos e internacionais - creio que posso considerar ter um bom curriculum em mudanças!!! 🙂

Contudo foi somente nestes últimos 5 anos, que passei a ter consciência do potencial que a “mudança” tem quando passamos a olhar para ela como um processo de auto-consciencialização, como uma ferramenta num processo de auto-descoberta e de reconquista de amor-próprio.

“ O espaço no qual vivemos deve ser para a pessoa que nos estamos a tornar e não para a pessoa que éramos no passado. ”  

                                                          Marie Kondo

Acredito que as mudanças de casa são como uma benção disfarçada! É uma oportunidade de fazermos um balanço e análise do que fomos e de quem nos estamos a tornar, do que já não nos faz sentido e do que faz parte da nossa essência.

Deixo-te aqui algumas sugestões que te podem ajudar nas tuas mudanças de casa!

  • Começa por fazeres o processo de destralhe por categorias e não por divisão. Em vez de passares um dia inteiro a organizar o quarto, podes dedicar uma tarde a organizar toda a roupa que tens pela casa. Faz o mesmo com os livros, cds, papeis, material de cozinha e por ai fora.
  • Cria 3 grupos de acordo com a tua intenção e o destino do bem: guardar, doar, vender.
  • Agenda um dia especial para doações e convida amigos e família para verem se algo lhes pode ser útil. Podes também colocar o que queres doar numa caixa identificada e colocares à porta da tua casa/prédio, ou então contactares uma empresa/instituição que faça a recolha na tua casa. Só não o leves para a tua nova casa!!!
  • Identifica cada embalagem de modo a saberes claramente o que cada uma contem! E fá-lo-o em cada face da caixa, no canto superior direito!!! Visita uma loja de ferragens e cria um pequeno stock de tudo o que possas vir a precisar: embalagens de cartão, fita de embalagens, marcadores, etiquetas, papel de protecção; para que nada te falte quando começares a empacotar.
  • Faz a tua embalagem de sobrevivência! Junta tudo aquilo que é necessário para o primeiro dia e noite na tua nova casa: a máquina dos batidos, a máquina de café, os brinquedos favoritos dos teus filhos, lençóis, almofadas, despertador, etc. Cada caixa irá reflectir as necessidades de cada família. Identifica-a bem de modo a que se destaque de todas as outras caixas! É um pouco como nos aviões, a última mala a entrar é a primeira a sair!
  • Ao chegares à casa nova e começares a desempacotar, implementa logo um sistema de organização no teu espaço para que possas ter e manter toda a tua casa organizada!
  • Se vais mudar de casa brevemente e sentes que todo o processo de mudar de casa te está a deixar stressado/a e ansiosa/o, e precisas de ajuda, entra em contacto comigo e terei muito gosto em te dar uma mão a planificar e/ou até mesmo realizar uma mudança com a maior tranquilidade possível!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Organizadora Profissional

Sou a Margarida, Doula das Casas, Especialista em Organização de Espaços residenciais e empresariais. A Acredito que ao organizar fora estamos também a organizar dentro; que ao deixarmos ir o que já não serve, estamos a abrir espaço para o novo; que ao respirar e alongar, deixamos que a nossa casa e o nosso corpo se liberte do que bloqueia e que tudo passe a ser mais fluído…