A Pornografia da Organização

Fotografias de armários ou gavetas extremamente organizados, objectos colocados por ordem e roupa impecavelmente dobrada, criam no observador uma sensação de paz, tranquilidade e harmonia, convidando o cérebro a fazer uma pausa, um fenómeno reconhecido actualmente nas redes sociais como a pornografia da organização.

Já tinhas ouvido falar?

Hoje escrevo sobre este tema pois debato-me com ele diariamente. Muitas pessoas seguem páginas de organizadores profissionais, à procura deste tipo de imagens confortantes, acabando simplesmente por viver nesta bolha de fantasia e conforto imediato.

Consomem ferozmente este tipo de conteúdos mas não dão os passos necessários para verdadeiramente transformarem as suas casas em espaços funcionais, simplificados e REAIS.

Fotografia de The Home Edit

Olhar para imagens hiper organizadas pode funcionar com uma espécie de antídoto para o stress e ansiedade que os espaços caóticos causam.

Kathleen Vohs, professora de marketing na Universidade do Minnesota diz que “a tralha tem  um efeito muito stressante na psicologia humana, e existem uma série de estudos que observaram o seu efeito e a partir dai podemos afirmar que as coisas que estão bem organizadas vão ter o efeito oposto”.

Fotografia de The Home Edit

Apesar do efeito calmante que estas imagens trazem e potenciam, eu acredito que têm também um lado menos bonito, que é o de manter uma pessoa dependente da fantasia e dificultarem o conseguir viver a realidade de uma casa funcional e organizada. Semelhante ao que acontece entre a dependência da pornografia e a vivência de uma sexualidade plena e saudável.  

Pornografia – Fantasia – Ilusão

Uma ilusão que não corresponde à verdade e realidade.

Muitas destas imagens são criadas propositamente para as redes sociais e não correspondem à realidade existente na grande maioria das casas reais que todos habitamos. 

Apesar dos efeitos imediatos positivos que o consumo deste tipo de imagens cria – relaxamento, tranquilidade,… –  também nos podem aprisionar no mundo da “fantasia” e:

  • As casas não são realmente cuidadas como merecem;
  • As tralhas não são devidamente eliminadas, como deveriam;
  • Não se organizam convenientemente os espaços para os tornar mais práticos e funcionais;

E acabamos por não conseguir ambientes mais harmonioso, mais tranquilos, que verdadeiramente podem e devem apoiar a regulação do sistema nervoso de todos aqueles que habitam o espaço.

Em 2022, Portugal é o quinto país da OCDE onde se mais ansiolíticos e depressivos se consumem (dados do Serviço Nacional de Saúde e Direcção Geral de Saúde). 

O espaço que habitamos é uma extensão de quem somos. 

Regular o sistema nervoso é também cuidar com consciência do espaço que habitamos.

Autor da fotografia desconhecido

Não te contentes com a satisfação imediata … olha para a tua casa como um Todo… sente-a, escuta-a … dá os primeiros passos para criares uma casa funcional, harmoniosa e bonita.

Porque tu mereces viver numa casa que te sustem, que te nutre… onde te sentes segura, tranquila e em paz. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Organizadora Profissional

Sou a Margarida, Doula das Casas, Especialista em Organização de Espaços residenciais e empresariais. A Acredito que ao organizar fora estamos também a organizar dentro; que ao deixarmos ir o que já não serve, estamos a abrir espaço para o novo; que ao respirar e alongar, deixamos que a nossa casa e o nosso corpo se liberte do que bloqueia e que tudo passe a ser mais fluído…